Home Destaques Lula recebe primeiro-ministro Pedro Sánchez da Espanha

Lula recebe primeiro-ministro Pedro Sánchez da Espanha

118
0

 

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recebeu o primeiro-ministro da Espanha, Pedro Sánchez, , em Brasília.

Após a reunião, os dois farão uma declaração à imprensa e participarão de um almoço no Palácio do Itamaraty.

À tarde, Pedro Sánchez deve se encontrar com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). E também com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). A agenda da visita ainda inclui uma ida a São Paulo (veja mais abaixo).

No encontro bilateral, Lula e Sánchez devem conversar sobre pautas relacionadas ao G20 — grupo que reúne as 19 maiores economias do mundo, além da União Europeia e União Africana. Atualmente, o Brasil preside o G20.

Um dos assuntos é a reforma das instituições de governança global, como a Organização das Nações Unidas (ONU) e o Banco Mundial.

Os líderes de Brasil e Espanha também deverão abordar a relação comercial entre os dois países. De acordo com o Banco Central, a Espanha se consolidou como o segundo maior investidor no Brasil, com presença em setores como energético, bancário, de telecomunicações e de seguros.

Segundo o Itamaraty, os conflitos no Oriente Médio e na Ucrânia não ficarão de fora da conversa, em particular a situação humanitária na Faixa de Gaza e as perspectivas de avanço de uma solução de dois Estados.

Nos bastidores da diplomacia, outro assunto também é mencionado como possível tema para o encontro entre os dois presidentes são as tratativas do acordo Mercosul-União Europeia (UE).

A proposta de acordo entre os dois blocos, negociada há mais de duas décadas, passou por uma série de revisões e exigências ao longo dos últimos anos e se aproximaram de uma conclusão no ano passado.

No entanto, têm sofrido pressão por parte de agricultores europeus — principalmente na França — contrários à aliança, sob o argumento de haveria uma “concorrência desleal” com a entrada de mercadorias de países como o Brasil.

Sobre o encontro, o vice-presidente Geraldo Alckmin afirmou que a reunião aproxima os países.

Ele destacou o ciclo de queda de juros no Brasil e a aprovação da reforma tributária “A Espanha é o segundo maior investidor do mundo no Brasil”, disse o vice-presidente.

“O Brasil tem sido defensor do acordo Mercosul-União Europeia, um acordo equilibrado que permita ainda mais investimentos recíprocos”, acrescentou.

A agenda de Sánchez

Sánchez chegou a Brasília acompanhado de seu ministro da economia, Carlos Body, e com um grupo de empresários interessados em negócios no país.

O Brasil é o principal mercado da Espanha na América Latina. A agenda internacional do primeiro-ministro espanhol tem foco a abertura de negócios para grandes multinacionais espanholas e outras pequenas empresas.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here