Home Esportes Alonso “lamenta” tirar chance de primeiro ponto de Russell

Alonso “lamenta” tirar chance de primeiro ponto de Russell

670
0

Em busca do tão sonhado pontinho com a Williams, George Russell bateu na trave mais uma vez no GP da Áustria, neste domingo. O piloto era o décimo na parte final da corrida quando um veloz Fernando Alonso colou em sua traseira. A dupla travou uma das batalhas mais intensas da corrida, mas o espanhol acabou realizando a ultrapassagem. Fã declarado da pilotagem de Russell, Alonso lamentou que fosse o britânico naquela posição.

  • Sinto-me um pouco mal por George, pois ele guiou muito bem neste fim de semana. Eu estava torcendo para que aquele carro no décimo lugar não fosse ele, mas eu tinha melhores pneus, estava tracionando melhor na saída das curvas e consegui a ultrapassagem. Mas ele terá mais oportunidades de pódios e vitórias no futuro – aposta Alonso.
    George celebrou a batalha com Fernando, uma das poucas que teve na F1 até o momento, e ainda ganhou um abraço do espanhol após à bandeirada.
  • Estou na F1 há três anos e essa foi a primeira real batalha que tive com alguém. Fiz algumas ultrapassagens aqui e ali, mas nunca uma batalha roda a roda. Então estou feliz que conseguir segurar as pontos e não fazer nada louco ou estúpido. O que importa é que foi bem divertido. Se desse para escolher alguém para estar atrás de você nessa situação, você não escolheria Fernando. Ele não facilita.
    Com a manobra em Russell, Alonso terminou a corrida em 10º e conquistou um ponto. O piloto da Williams chegou em 11º, mas sem frustrações por entender que é o máximo possível com o carro da equipe britânica, principalmente se os carros mais velozes da frente não abandonarem.
  • No fim, você tem o que merece. E esses caras estavam mais velozes que a gente. Fizemos um bom trabalho ontem na classificação, mas tinha gente mais veloz que nós. Foi outra corrida que terminamos a uma colocação dos pontos mesmo sem carros do topo abandonando. De maneira geral, foi bom e conseguimos progredir legal – diz.

Russell chegou a manter a esperança de pontuar viva após um acidente entre Raikkonen e Vettel na última volta fazer a FIA investigar diversos pilotos, alguns que estavam à frente do piloto da Williams, por não respeitarem bandeiras amarelas. Mas a Federação decidiu não punir nenhum dos pilotos à frente de George.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here