Home Destaques Bolsonaro faz queixa-crime contra hacker Delgatti

Bolsonaro faz queixa-crime contra hacker Delgatti

143
0

O ex-presidente Jair Bolsonaro protocolou uma queixa-crime no 3º Juizado Especial Criminal de Brasília contra o hacker Walter Delgatti por calúnia.

Os advogados de Bolsonaro pedem que o hacker seja ouvido sob acusação de calúnia por ter falsamente acusado o ex-presidente de grampear o ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes

Em depoimento na CPMI (Comissão Parlamentar Mista de Inquérito) dos atos de 8 de janeiro, Delgatti disse que Bolsonaro teria pedido a ele para assumir a autoria de um grampo contra Moraes.

“O presidente [Bolsonaro] entrou em contato comigo. Nesse contato, segundo ele, teria um grampo do ministro Moraes. Segundo ele [Bolsonaro], teria conversas comprometedoras do ministro e eles precisavam que eu assumisse a autoria desse grampo”, disse.

O hacker também afirmou, na ocasião, que Bolsonaro teria prometido conceder um indulto caso ele fosse preso.

“Ele [Bolsonaro] disse que esse grampo teria sido realizado por agentes de outro país. Não sei se é verdade, porque não tive acesso, mas em troca me foi prometido indulto e ainda disse que se eu fosse preso, [Querelante] prenderia o juiz. Usou essa frase. ‘Fique tranquilo, se algum juiz te prender, eu prendo o juiz’, e deu risada. Eu concordei porque era uma proposta do presidente da República”.

 

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here