Home Esportes Senna é o piloto mais rápido da F1 nas últimas quatro décadas

Senna é o piloto mais rápido da F1 nas últimas quatro décadas

854
0

Ayrton Senna é o piloto de Fórmula 1 mais rápido das últimas quatro décadas. É o que aponta um estudo encomendado pela categoria à Amazon Web Services (AWS), que utilizou uma ferramenta única com tecnologia de machine learning (ML) para fornecer uma classificação objetiva, baseada em dados de todos os pilotos desde a temporada de 1983 até os dias atuais.
Na aferição dos dados obtidos nos resultados das sessões de classificação que definiram os grids de largada no período, Senna superou o heptacampeão mundial Michael Schumacher em 0s114, enquanto o inglês Lewis Hamilton ficou na terceira posição, com um tempo relativo 0s275 acima.
Segundo a F1 informou, ao comparar companheiros de equipe em classificação, a ferramenta baseada em machine learning foca a análise no desempenho do piloto, e, ao comparar os tempos de volta só entre companheiros de equipe. Foi usado o algoritmo Fastest Driver para normalizar o desempenho do carro e da equipe, para construir uma imagem de como os pilotos de diferentes gerações podem ser comparados, analisando a velocidade bruta.

  • Dentro do ambiente de equipe, esse tipo de modelagem é usado para tomar decisões importantes sobre as escolhas do piloto. Como os pilotos são, na maioria das vezes, o ativo mais caro da equipe, é importante que o processo de seleção seja o mais robusto possível. Um processo como este, portanto, seria implantado pela equipe de estrategistas da F1 a fim de apresentar a seleção mais objetiva e baseada em evidências possível. É importante notar que essa velocidade pura é o único elemento do vasto arsenal de pilotos que estamos analisando aqui, para identificar os mais rápidos de todos os tempos, o que é muito empolgante – disse Rob Smedley, diretor de Sistemas de Dados da F1.
    Ainda segundo informou a categoria, o F1 Insights também fornece uma leitura única de um exercício semelhante que as equipes de F1 têm para definir seus pilotos-alvo para as temporadas seguintes. Neste caso, tal estudo foi aplicado ao longo de um período de 37 anos de história do campeonato, apesar das diferenças nas regras e nos carros.

A lista tem diversos pilotos do atual grid da Fórmula 1 entre os dez primeiros, como o holandês Max Verstappen, quarto colocado no estudo, além de Charles Leclerc e Sebastian Vettel. Os campeões mundiais Fernando Alonso e Nico Rosberg também estão no top 10, mas há surpresas como o finlandês Heikki Kovalainen e o italiano Jarno Trulli.
Ao todo, 142 pilotos fazem parte da lista. Entre os brasileiros, Rubens Barrichello (11º), Felipe Massa (21º), Nelson Piquet (40º), Nelsinho Piquet (53º), Enrique Bernoldi (86º), Felipe Nasr (90º) e Roberto Moreno (96º) figuram entre os 100 primeiros colocados.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here